Glamour democrático

Já escrevi sobre a indústria cosmética de esmaltes antes, mas a febre não só continua como aumentou.
Segundo uma pesquisa da Nielsen (www.nielsen.com), empresa dedicada a pesquisas e métricas do mercado, até abril deste ano foram vendidos 65,8 milhões de frascos de esmaltes no Brasil. Se compararmos ao primeiro quadrimestre de 2009, houve um crescimento de 17,8% nas vendas. Esses números transformaram o Brasil no segundo maior mercado do mundo do produto, atrás apenas dos Estados Unidos.

Em valores, enquanto quem em 2008 o mercado brasileiro de esmaltes movimentou R$ 250 milhões (aumentou de 5,1% em relação ao ano anterior), em 2009 o valor chegou a R$ 330,7 milhões, um aumento de mais de 30% em um ano.
O mercado está sendo impulsionado por vários fatores. Os mais tradicionais são a divulgação via revistas femininas e pelos programas de televisão, principalmente as novelas. A Ti-Ti-Ti, atual novela da Globo sobre o universo da moda, usou sua influência para lançar uma coleção de esmaltes Ti-Ti-Ti pela marca Hits, da Specialittá (http://www.speciallita.com.br/produto/tititi). O uso de imagem de artistas também é um recurso muito usado, haja vista a coleção da Colorama divulgada pela Ivete Sangalo (coleção Chic 2009) que teve até uma cor com seu nome, o Vermelho Ivete (http://www.ivetesangalo.com/noticias/2009/03/ivete-estrela-nova-campanha-da-colorama-confira-aqui-fotos-exclusivas.html).

Mas uma nova mídia está agitando o mercado de esmaltes: os blogs totalmente dedicados ao assunto. O mais conhecido pelo público é o Louca Por Esmaltes (http://www.loucasporesmalte.com.br). O blog traz vários esmaltes e comentários das colaboradoras assim como outros pela web. Talvez o diferencial seja o nome bem escolhido,  algum trabalho de SEO ou o ranqueamento mesmo, pois quando procurei no Google por esmaltes, ele estava bem ranqueado e cliquei por curiosidade. Viciei. Mas há vários outros, tais como o 9ml, Mão Feita e Nós Amamos Esmaltes. As blogueiras experimentam praticamente todos os esmaltes nacionais presentes no mercado e vários importados, fotografam as unhas pintadas, comparam cores, marcas, trazem e exigem novidades. Foram elas que, com sua paixão por novidades, apresentaram ao público nacional os esmaltes holográficos, 3D, flocados, duocromes, glitter forte, mates e neons, por exemplo. Isso gerou uma demanda que até então não existia por falta de produtos e informação. A partir do momento que as mulheres viram que existiam produtos diferenciados no mercado, passaram a procurar loucamente por opções mais em conta que os importados.

Como as grandes empresas não têm tanta facilidade para se arriscarem com lançamentos de nicho, não têm tanta mobilidade, essa demanda criou oportunidades para as empresas menores que aproveitaram a chance. Marcas como a Sanción Angel, que até então era desconhecida do grande público, lançou uma coleção dos famosos esmaltes holográficos (http://www.sancionangel.com/) (http://www.sancionangel.com/2010/07/holograficos-quem-quer.html). Cada frasco custa em média R$12,00 e a coleção está vendendo como água onde é encontrada. A Top Beaty lançou uma coleção Glitter 3D a um preço bem em conta, em torno de R$ 3,00 cada (http://www.topbeautycosmeticos.com.br/produto.asp?id=24).

Os blogs estão trazendo informação a um público ávido e pronto para consumir um dos produtos mais democráticos da indústria cosmética. Todas as mulheres, de todas as classes sociais, compram e usam esmaltes. Se antes era usado como item cosmético, hoje está mais para acessório fashion. E a consumidora está ousando mais.
Além da informação, os blogs estão aproximando as consumidoras. Três fatos curiosos aconteceram comigo, uma colecionadora com mais de 100 frascos de esmaltes, no último mês: além das conhecidas também viciadas (olá, @thaisvido), conversei com três estranhas sobre o assunto. Uma mesária da eleição me abordou dizendo que tinha adorado meu esmalte (um holográfico amarelo com 3D glitter dourado por cima), a atendente de uma loja de artigos elétricos que gostou da mesma combinação, só que holográfico cinza com 3D prata, e a caixa de um bar que estava usando o novo tom de vermelho alaranjado da moda. É o glamour democrático.

créditos das fotos
3D http://www.pontoxp.com/2010/09/03/esmalte-3d-comprar-marcas-fotos/
Flocado www.sancionangel.com
Comentário adicional: esse não é um post pago, eu mesma comprei todos os meus frasquinhos de esmaltes, como a maioria das viciadas que fizeram essa indústria crescer =)

Daniele Zandoná – @ex-aluna do curso de MBA em Marketing no INPG Berrini e redatora do Marketing Blog

Este post foi publicad0 no MARKETING BLOG em 19/11/2010

1 Response to “Glamour democrático”


  1. 1 Mariela Castro dezembro 3, 2010 às 4:14 pm

    Daniele,

    muito muito boa a sua análise sobre as oportunidades detectadas pelas indústrias menores para atuar num mercado de nicho. Parabéns pelo texto!
    Eu não tinha ideia do tamanho dessa indústria. Mas o que mais gostei foi ter a informação de que há inúmeros blogs sobre esmaltes, estes sim os grandes catalisadores do sucesso dessa indústria no Brasil. É o poder do consumidor ditando as regras!


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: