Ócio Construtivo. Isso existe?

Interessante a nossa vida: tendemos a valorizar aquilo que não temos, quem não temos, e damos pouca importância para o que e a quem temos. Claro. Isso não é uma regra! Algumas pessoas não agem desta maneira. Muitos prezam por tudo aquilo que possuem – independentemente se é pouco ou muito, se é bonito ou feio, se é novo ou velho-. A idéia aqui é fazermos uma reflexão.

Mas, reflexão como, se não temos tempo nem para pensar em nossas vidas? São tantas cobranças, tantas pressões: o índice Ibovespa que caiu, o dólar que subiu, os preços que não ajudam, a faculdade, a pós-graduação, o mestrado, a família, os amigos. O trabalho então, nem se fala… Ufa!

Você sabia que não está sozinho nessa? A maioria das pessoas de sucesso passou e/ou passa por tudo isso; alguns, até mais do que isso. Acredite. Como dizia um palestrante que conheci: “a vida é uma batalha, sucesso é dor”. Já, outro colega docente, em minha pós-graduação dizia que: “o mundo é mau”. Não pense vocês que, eles são pessoas negativas, pois eles são, na verdade, pessoas de sucesso, que conhecem as dificuldades e obstáculos que são impostos, senão, na mesma intensidade, pelo menos, parecidíssimos. Devemos dar foco na solução e não no problema, mas, se o problema aparecer, encare-o de frente.

O que estas pessoas que citei têm de diferente de nós? Porque venceram ou estão vencendo na vida? São mágicos? Videntes? Não acredito que seja isso. Acredito sim, na inteligente forma com que lidam com os problemas, na determinação, na preparação, na fé, no surgimento de oportunidades, e, sobretudo, na maneira com lidam com o tempo em que estão “à toa”.

Uma das melhores formas que conheço e pratico é aproveitar as horas de ócio, quando não estou fazendo nada. Caminhando, por exemplo, me permito pensar, pensar, pensar; e por fim, planejar. Uno o útil ao agradável. Outra forma é quando estou dirigindo, pois faço o mesmo.

Ócio construtivo é construir no momento do ócio. Ou seja, quando não estamos fazendo nada, podemos produzir algo: idéias, insights (O ato ou resultado de aprender a verdadeira natureza das coisas, enxergar intuitivamente), refletir sobre as coisas salutares, mas também sobre as coisas que nao saíram conforme o planejado.

Então senhores, o tal “ócio construtivo” existe, aliás, não só existe como pode fazer toda diferença entre o sucesso e o fracasso em nossas vidas. Como bem diz o Bernardinho, técnico da seleção de Vôlei: “O jogo se ganha treinando e não jogando, pois, treinamos muito mais que jogamos”. Em minha singela opinião, o Ócio Construtivo é um dos momentos em que “treinamos” as boas idéias, para, em seguida, “jogá-las” na prática.

Pensei em escrever este artigo num desses momentos de ócio. O resultado é este que lhes apresento.

Sucesso a todos!

Roberto Rodrigues – @redator do INPG BLOG e do Blog RR Life

4 Responses to “Ócio Construtivo. Isso existe?”


  1. 1 Prof. VALENTE março 4, 2011 às 5:35 pm

    Texto muito bem formulado, e com mensagem bastante significativa !! Parabéns, Prof. ROBERTO !!!! Gosto de textos assim …

  2. 3 Reinaldo Oliveira março 9, 2011 às 1:41 pm

    Excelente o texto, extremamente bem escrito, simples e objetivo. tenho praticado o Ócio Construtivo, consigo por meio dele resolver várias questões da minha vida. Abraço.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: